Site Autárquico de São Brás de Alportel

Início |sábado, 21 de outubro de 2017 | Mapa do Site | Adicionar aos favoritos |
-a +A
Mapa

Iniciativas

Portal da Criança - CPCJRecriação hirtórica - CentenárioFeira da SerraDocumentar São Brás

SOS Vítima - São Brás de Alportel

Em 2014, no nosso país de “brandos costumes” 42 mulheres morreram, vítimas de violência doméstica e 47 sobreviveram a tentativas de homicídio, por companheiros, ex-companheiros e familiares próximos… Segundo revelam os dados do Observatório de Mulheres Assassinadas da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta, desde 2012, 229 crianças foram afetadas devido à violência contra as suas mães, ficando 122 filhos ou filhas órfãos de mãe!

A violência doméstica é um fenómeno transversal na sociedade, presente nos mais diversos contextos, que abrange vítimas e agressores sem escolher o sexo, a idade, a cultura, a religião ou a condição e estrato social e económico! Para além dos maus tratos físicos, a violência doméstica pode manifestar-se através de maus tratos verbais, emocionais e psicológicos, por isolamento social, intimidação, ameaças, violência sexual ou controlo económico.

Na conjuntura de crise económica que Portugal tem vindo a atravessar, com um contínuo aumento das medidas de austeridade, a situação de muitas destas vítimas agravou-se, quer pelo aumento da intensidade da violência sofrida, quer porque as vítimas encontram maiores dificuldades em reconstruir as suas vidas. Combater a violência é um dever de todos.

 

Para dar continuidade ao projeto desenvolvido, com a colaboração da Associação Humanitária de Mulheres Empreendedoras (AHME), no seio do qual esteve em funções o Gabinete de Assistência a Vítimas, o Município de São Brás de Alportel, em parceria com a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) e com a Rede Social local criou o novo serviço de apoio a vítimas “SOS Vitima”.

Este novo serviço, sediado no Centro de Apoio à Comunidade tem por missão o atendimento personalizado e confidencial a vítimas, o seu aconselhamento e encaminhamento para as entidades competentes. As vítimas encontram neste serviço apoio psicológico e jurídico, com recurso a técnicos especializados.

Sensibilizar a comunidade para esta problemática e para a urgente prevenção e combate destes crimes, prestando informação sobre as diferentes formas de vitimação e desmistificando ideias pré-concebidas sobre a violência doméstica na população em geral, é outro objetivo do novo serviço SOS vítimas.

 

Muitas vítimas de violência não procuram ajuda, muitas vezes, por falta de conhecimento dos recursos existentes. Não podemos permitir que o Silêncio grite mais alto!

Se é vítima ou conhece alguém que viva este drama não hesite em procurar a nossa ajuda. Estamos no Centro de Apoio à Comunidade, na Rua Serpa Pinto, 27/29 ou no tel. 289 840 020 e mail: solidariedade@cm-sbras.pt

PUBLICAÇÔES

Newsletter