Site Autárquico São Brás de Alportel

A Procissão

Multimédia0

A Procissão

“Ressuscitou como disse, Aleluia!”

Este é o grito que ecoa pelas ruas, cobertas de flores.
Esta é a voz da Fé que se renova ano após ano. Esta é a força da tradição!

As ruas transformam-se num mar de tochas floridas. Os homens, formando alas, abrem a procissão, empunhando uma tocha na mão. Ao longo da procissão, reúnem-se em pequenos grupos para, alternadamente, se levantar o grito do “aleluia”. Aqui e além ouve-se uma voz potente e sonora: “Ressuscitou como disse!”. O grupo erguendo bem alto a tocha, com grande alegria e entusiasmo, responde: “Aleluia, aleluia, aleluia!”.
É a manifestação popular da fé em Cristo ressuscitado.

No próximo domingo de Páscoa, São Brás de Alportel será uma vez mais palco de uma das mais genuínas manifestações culturais de cariz religioso do país - a secular Procissão de Aleluia, em honra de Cristo ressuscitado, onde os andores dão lugar às flores, que ornamentam magníficas tochas.

As ruas apinham-se de gente, as varandas estão engalanadas, as colchas estendidas ondulam ao vento. Deslumbrantes tapetes de flores, magnífico trabalho de mãos voluntariosas, descrevem o percurso da Procissão. É a tradição quem fala mais alto neste dia, e por ela erguem-se as tochas, canta-se “Ressuscitou como disse! Aleluia! Aleluia! Aleluia!”, sente-se a emoção de um dia pleno de sentir popular.

São Brás de Alportel é uma terra em festa em cada domingo de Páscoa. Filhos seus, dispersos por outras terras do país e do mundo, tornam à terra que os viu nascer, neste dia que é de orgulho para todos os são-brasenses.
Mas não só os filhos da terra visitam São Brás neste dia, ano após ano, são milhares os turistas que passam por São Brás no domingo de Páscoa.

  • Quinzena Gastronómica "Sabores do Caldeirão"

    Durante a Quadra Festiva da Páscoa, as tradições irrompem viladentro, num hino à cultura popular local. Neste encontro intergeracional com ponto alto no Dia de Páscoa, na Festa das Tochas Floridas,os sabores também marcam presença com o melhor do que a gastronomia mediterrânica na Quinzena Gastronómica "Sabores do Caldeirão", a decorrer nos restaurantes aderentes, de 6 a 18 de abril.

    Na edição deste ano a Quinzena integra ainda um sorteio de vales de oferta a pensar especialmente em si!

    Participe e deixe-se conquistar pelo paladar...

    Saiba tudo sobre a Quinzena Gastronómica "Sabores do Caldeirão

  • O Tapete de Flores
    O Tapete de Flores

    Um longo tapete com 1Km de flores cobre o chão, descrevendo o percurso da Procissão, como se a Primavera também ela viesse celebrar este dia de Festa.

    Para construir esta verdadeira obra de arte, são precisas 3 toneladas de flores, num trabalho que resulta de um centena de voluntários.

    Depois de uma árdua semana de trabalho, na apanha e preparação das flores, é na véspera do Domingo de Páscoa, por volta das 5h00, que todos os minutos são poucos, noite fora, até ao amanhecer, para que quando o sol chegar, possa fazer brilhar o magnífico tapete florido que descreve o percurso da Procissão e que pode ser observado a partir das 09h30, nas Ruas de São Brás de Alportel.

  • Tarde Cultural
    Tarde Cultural

    Durante a tarde, a organização proporciona aos visitantes uma tarde cultural, de entrada gratuita, com a participação de vários grupos musicais, sendo a música portuguesa o ingrediente principal.

    E enquanto se escutam os sons, podem também apreciar-se os sabores dos doces regionais e dos petiscos típicos, num espaço de mostra e venda da gastronomia e doçaria regional.

    A não deixar de provar: os saborosos folares, doce típico desta quadra e as amêndoas tenras de São Brás, feitas artesanalmente, em tachos de cobre.

  • Encontro de Sabores
    Amêndoas tenras de São Brás

    A partir das 10h00, no Largo de São Sebastião (localizado no centro da localidade, à beira do percurso da procissão), pode apreciar os doces típicos desta Vila do Sotavento Algarvio.

    Numa pequena feira de doces regionais, estão representados os irresistíveis sabores do sul do país: os típicos folares da Páscoa, as amêndoas tenras de São Brás, os doces à base de frutos secos: figo, amêndoa e a maravilhosa alfarroba, o chocolate da serra, que não vai querer deixar de provar. Tudo isto e muito mais para provar no Encontro de Sabores, na Festa das Tochas Floridas.

  • Voluntariado
    Voluntários

    Se quiser colaborar na recolha de flores e elaboração do tapete, bem como nas demais atividades que integram a organização da Festa das Tochas Floridas, contacte a Associação Cultural Sambrasense (pelo Tel. 289845665 ou 969682672/94, ou e-mail: cultural@acs.com.pt) ou dirija-se à Paróquia de São Brás.