Site Autárquico São Brás de Alportel

Órgãos Autárquicos Municipais de São Brás de Alportel para quadriénio 2021 - 2025 tomaram posse

18 de outubro 2021

O Cineteatro São Brás acolheu nesta sexta-feira, 15 de outubro, a cerimónia de Tomada de Posse dos Órgãos Autárquicos do Município, nomeadamente a Assembleia Municipal e a Câmara Municipal.

A cerimónia teve início por um emotivo momento musical interpretado pelo pianista António Pinto, do Conservatório D’Artes – São Brás de Alportel, numa sentida homenagem ao seu pai António Oliveira de Chaves Pinto, que presidiu à Comissão Administrativa do concelho após a Revolução de 25 de abril de 74, alargada a todos os autarcas são-brasenses.

Seguiu-se o ato de tomada de posse dos membros da Assembleia Municipal. Em função dos resultados das eleições do passado dia 26 de setembro, a Assembleia Municipal de São Brás de Alportel, formada por 16 elementos, é composta por 10 membros eleitos pelo Partido Socialista (incluindo neste conjunto o Presidente da Junta de Freguesia de São Brás de Alportel, eleito pelo Partido Socialista que integra o órgão por inerência), 5 membros eleitos pelo PPD/PSD e 1 membro eleito pela CDU.

De seguida, teve lugar o ato de tomada de posse dos membros da Câmara Municipal. Em função dos resultados eleitorais, o executivo municipal passa a ser constituído por 3 elementos eleitos pelo Partido Socialista (PS), nomeadamente: Vitor Guerreiro, assumindo novamente o cargo de Presidente e os vereadores Marlene Guerreiro e Acácio Martins e 2 elemento eleitos pelo Partido Social Democrata (PPD/PSD), designadamente os vereadores Bruno Costa e Sílvia Revés.
Após a tomada de posse dos membros da Assembleia Municipal e da Câmara Municipal, teve lugar a primeira sessão da Assembleia Municipal, durante a qual foi realizada a votação da composição da Mesa da Assembleia, que ficou constituída por Presidente, Ulisses Brito; 1.ª secretária, Josélia Gonçalves, e 2.º secretário, João Grenhas.

Ulisses de Brito, após ter sido reeleito Presidente da Assembleia Municipal, dirigiu-se aos são-brasenses que assistiram a Assembleia Municipal, presencial e digitalmente, com um agradecimento pelo renovado voto de confiança dado nas eleições autárquicas. Relembrando que o PS teve a sua vitória mais expressiva a nível regional em São Brás de Alportel, Ulisses de Brito lamentou no entanto a elevada expressão da abstenção a nível local e nacional, sensibilizando para a necessidade de envolver os cidadãos na atividade política. Consciente desta missão comum, a Assembleia Municipal iniciou em 2021 a transmissão online das assembleias com vista a reforçar a transparência da gestão pública do concelho, dar a conhecer o trabalho dos eleitos e aproximar eleitos e eleitores.

Vitor Guerreiro, recém-empossado, para um novo mandato como Presidente da Câmara Municipal, dirigiu-se a todos os presentes expressando a sua gratidão pela confiança que foi depositada na equipa que lidera.

“O desenvolvimento sustentável e a qualidade de vida para a nossa população continuarão a ser o nosso principal objetivo e o centro da nossa ação no mandato que hoje se inicia”, sublinhou o Presidente da Câmara Municipal de São Brás de Alportel, Vitor Guerreiro (PS), após a sua tomada de posse e da equipa que vai estar à frente do Município até 2025.

Nos próximos quatro anos, Vitor Guerreiro pretende atuar sobre sete áreas prioritárias, nomeadamente saúde e solidariedade; desenvolvimento económico; vias de comunicação e renovação urbana; educação; cultura e desporto; ambiente e Proteção Civil e segurança.

Um mandato que, não esconde,  vai contar com grandes desafios, tais como sejam o processo de transferência de competências do Estado para as autarquias, a otimização dos recursos do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) e a resposta às necessidades de uma população em franco crescimento democrático, que nos últimos 10 anos atingiu um crescimento de 5,7%, segundo mais elevado do país, de entre os concelhos que não estão no litoral ou na área metropolitana de Lisboa.

Desafios que pretende transformar em oportunidades para o concelho ao lado da sua equipa experiente e dedicada, que continuará a pautar a sua ação por uma governação rigorosa, transparente, responsável e determinada, num trabalho de proximidade e em parceria com as empresas, as associações, as entidades, as famílias e a comunidade.

“Queremos ser, cada vez mais, um território positivo e atrativo onde seja bom viver, investir e visitar”, frisou, deixando um apelo aos muitos dirigentes regionais, deputados da região e membros do Governo presentes, para o seu fundamental contributo para a concretização de alguns investimentos essenciais para o concelho, como é o caso da Requalificação da EN2; a criação de mais equipamentos na área da saúde, o reforço do Centro de Medicina de Reabilitação do Sul e a Barragem do Monte da Ribeira.

“São Brás de Alportel e os são-brasenses, pelo que têm sido e têm feito nas últimas décadas, têm o direito de sonhar e merecem ter mais e ser mais! No que depender de mim e daqueles que, ao meu lado,  abraçam esta missão, assim será”, vincou emocionado deixando um agradecimento a todos os que participaram no processo eleitoral e participam ativamente no desenvolvimento do concelho e da elevação da democracia e em defesa do bem comum.