Site Autárquico São Brás de Alportel

Obra de Requalificação do Complexo de Piscinas Municipais Descobertas de São Brás de Alportel celebra 30º aniversário deste equipamento desportivo

05 de agosto de 2019

O Município de São Brás de Alportel procedeu neste sábado, dia 3 de agosto, à cerimónia de apresentação pública da Obra de Requalificação do Complexo de Piscinas Municipais Descobertas, integrado no Espaço de Lazer e Animação do Jardim da Verbena, um equipamento de grande significado na vida e na memória da comunidade são-brasense.

Este momento simbólico, contou com um conjunto de personalidades, entre autarcas, equipa técnica responsável pelo projeto, equipa dos Serviços Municipais de Desporto e representantes da empresa construtora, bem como da empresa concessionaria do Bar de Apoio, tendo sido na ocasião prestada homenagem pelo atual Presidente da Câmara Municipal, Vitor Guerreiro a António José Bica, já falecido, antigo Presidente da Câmara Municipal, e responsável pela edificação deste equipamento, que abriu pela primeira vez as suas portas ao público a 1 de junho de 1989.

Vitor Guerreiro salientou que “passados 30 anos, as Piscinas Municipais Descobertas continuam a fazer parte da vida dos são-brasenses e consistem num forte atrativo para a zona histórica, cativando anualmente cerca de 30.000 utilizadores de todo o Algarve. Este investimento atual dignifica toda esta zona de desporto e lazer e eleva uma vez mais o património são-brasense e a nossa memória comum”.

Após decorridas algumas intervenções de manutenção e modernização ao longo destas 3 décadas, esta obra de profunda requalificação permitiu dotar o complexo das condições necessárias para dar resposta às necessidades atuais de um equipamento de desporto e lazer. Os trabalhos incidiriam em toda a estrutura, tanques de água, instalações de reciclagem, circulação de água, integrando ainda melhorias nos espaços verdes envolventes e a adaptação de todo o complexo a pessoas com mobilidade condicionada. A requalificação do complexo de Piscinas integrou um projeto mais vasto de valorização do espaço de lazer e animação do Jardim da Verbena. A intervenção contemplou a construção de uma rampa acessível de interligação entre o Jardim da Verbena e as Piscinas Municipais Descobertas, a construção de uma pérgula, a instalação de mesas de jardim adaptadas a utilizadores com mobilidade condicionada, entre outras melhorias.

Esta obra dá continuidade ao Plano de Ação de Regeneração Urbana (PARU) que o Município de São Brás de Alportel tem e curso no Centro Histórico, no âmbito do Plano de Revitalização do Centro Histórico, representando um investimento de 265.574,86€, cofinanciado a 65% por fundos da União Europeia. A execução da obra esteve a cargo da empresa Construções Expresso Unipessoal, Lda.

Nota histórica:

O Jardim da Verbena é um espaço ex-líbris do Centro Histórico de São Bras de Alportel. Foi criado nos finais do séc. XVI, juntamente com o antigo palácio episcopal que serviu de residência de verão dos Bispos do Algarve, após a sede do Bispado ter mudado de Silves para Faro. Este edifício, que após a implantação da República, foi integrado nos bens do Estado, foi o local escolhido pela jovem autarquia são-brasense para acolher a primeira escola pública do concelho após a fundação do concelho e atualmente, após uma obra de reabilitação levada a cabo pelo município há uma década, acolhe o Centro de Artes e Ofícios.

O jardim do Palácio, atualmente conhecido por Jardim da Verbena é constituído por uma fonte monumental de oito bicos, coberta por um zimbório que ostenta as armas do Bispo D. António Pereira da Silva [1704-1515]. Tal como era caraterístico dos jardins botânicos da sua época, neste Jardim podemos encontrar plantas provindas dos diversos continentes, num conjunto de perto de 20 diferentes espécies, oriundas dos 4 cantos do mundo.

No terreno a sul do Jardim, foram construídas as Piscinas Municipais de São Brás de Alportel. O Complexo foi inaugurado 1 de junho de 1989. Em 2008, haveriam de ser complementadas pela abertura das Piscinas Municipais Cobertas na zona norte da vila, integradas no moderno Parque de Desporto e Lazer.

Ao longo das décadas o complexo de Piscinas foi acompanhando as sucessivas gerações, ocupando sempre um espaço muito especial no coração dos são-brasenses. Este espaço é também um dos elementos de maior atratividade turística do concelho que atrai inúmeros visitantes e turistas.

No verão de 2017 o Complexo registou perto de 28 mil entradas, número superado em 2018 com 30.194 entradas registadas entre junho e setembro.

Em 2019, nos primeiros 5 dias após a sua reabertura, depois da intervenção de reabilitação, registaram-se 2.300 entradas!

O complexo é composto por dois planos de água – Piscina Principal e Piscina Infantil - que reúnem todas as condições para a prática de diversas atividades aquáticas no âmbito da recreação e lazer. Esta instalação possui, ainda, uma prancha de saltos, um posto médico, dois balneários, bar, um amplo espaço de jardim e parque infantil.